sexta-feira, 4 de julho de 2008

Violões Brasileiros




Maogani - Quarteto De Violões (1997)




Já tem um bom tempo que não posto nada de música instrumental brasileira, hoje disponibilizo aqui o excelente disco de estréia do Maogani, com excelente qualidade sonora e encarte completo.
Maogani é um quarteto de violões formado em 1995, no Rio de Janeiro, por Paulo Aragão, Carlos Chaves, Marcos Alves e Sérgio Valdeos, instrumentistas de formação erudita e forte vivência de música popular. O quarteto caracteriza-se pela sonoridade que alia a espontaneidade das rodas de choro à técnica clássica. Desde então vêm tocando em diversos palcos do Rio de Janeiro ao lado de conjuntos como Época de Ouro, Galo Preto e Nó Em Pingo D’Água. Este disco traz arranjos próprios de músicas de compositores como César Camargo Mariano, Mário Adnet, Baden Powell e Paulo César Pinheiro, Garoto, Guinga e Aldir Blanc, Chico Buarque, Carlos Haire, Marco Pereira, Ian Guest, Edu Lobo, Piana e Manzi, e Egberto Gismonti, contando com a participação de Guinga (voz), Leila Pinheiro (voz), Pedro Aragão (bandolim), Celsinho Silva (percussão), Zé Nogueira (sax soprano), Célia Vaz (voz) e Jane Duboc (voz). Em 1998 foram indicados, por esse disco, ao Prêmio Sharp na categoria ‘Melhor Disco Instrumental’.Depois deste, eles já lançaram mais três discos, tendo ainda recebido o Prêmio Tim 2005 e o Rival-BR 2004, entre outros, tendo se apresentado por todo o Brasil e também no exterior. Em 2001, Sérgio Valdeos deixou o quarteto, sendo substituído por Marcus Tardelli.
Quem quiser saber mais detalhes é só acessar o site oficial aqui.

14 faixas, VBR 224/320
Parte 1 (53,75mb) – Sharebee
Parte 2 (55,85mb) – Sharebee

5 comentários:

Big clash disse...

Eaí meu camarada?
violão brasileiro é comigo mesmo.
Esse aqui deve ser muito bom.
Sugiro para uma próxima postagem sobre violões brasileiros o disco do Gabriel Improta "É O VIOLÃO DO BRASIL".
O álbum é muito bacana.
Abraços.

Marcello L. a.k.a. Maddy Lee disse...

Grande Clash!
Espero que você tenha gostado do Maogani.
Confesso que nunca ouvi nada do Gabriel Improta, vou procurar pela rede, me parece interessante, ainda mais por causa da sua indicação.
Um abraço.
Valeu!
ML

Franck disse...

Gracias Marcello, tambien bajé este disco porque me encanta la musica sudamericana, y este disco esta buenísimo...
Saludos

Marcello L. a.k.a. Maddy Lee disse...

Grande Franck,
não sei se você já o baixou, mas recomendo que baixe o disco do Manassés que postei aqui, logo no início do blog; um belíssimo disco.
Um abraço.
ML

Franck disse...

Voy a bajarlo Marcello, y te comento luego de escucharlo...
Saludos afectuosos